Texto por Colaborador: Redação 25/02/2024 - 01:30

No outono passado, Gregor Kobel estendeu seu contrato de longo prazo com o Borussia Dortmund até 2028. Mesmo assim, o goleiro do BVB desperta desejo.

Como relata o "L'Équipe", Kobel foi alvo do Paris Saint-Germain. Assim, o principal clube francês até fez contato com o ambiente suíço nos últimos meses.

No PSG, Kobel deverá substituir Gianluigi Donnarumma. O italiano ainda está vinculado aos parisienses até 2026, mas eles não estão muito satisfeitos com o desempenho do jovem de 24 anos.

Kobel mudou-se do VfB Stuttgart para o BVB em 2021. No Revierklub ele rapidamente alcançou o primeiro lugar e se tornou um dos melhores goleiros da Bundesliga.

Suas atuações predominantemente fortes em seus dois anos e meio no BVB também trouxeram clubes maiores para o cenário.

Kobel também foi negociado no Bayern

No Bayern é considerado um dos possíveis sucessores de Manuel Neuer. Clubes da Premier League como o Chelsea poderiam atraí-lo com pagamentos salariais elevados e, se o pior acontecer, graças à sua solidez financeira, provavelmente poderiam chegar a um acordo com o BVB sobre a taxa de transferência.

Kobel estendeu seu contrato até 2028, em outubro de 2023. Não há cláusula de saída. Se um clube planeja transferir o goleiro do BVB nos próximos anos, a taxa de transferência deverá ser negociada livremente. De acordo com a "Sky", um acordo no próximo verão traria, no estado atual das coisas, teoricamente entre 50 e 60 milhões de euros para os cofres do Dortmund.

É evidente que o Revierklub não deveria ter interesse em vender o prestador de serviços.

"Gregor se tornou um goleiro de classe mundial em Dortmund, que despertou o interesse de muitos clubes importantes da Europa. Estamos orgulhosos por termos conseguido inspirá-lo para um futuro no BVB, apesar de todas as suas opções", disse o diretor esportivo Sebastian Kehl no decorrer da extensão.

 

Sport.de

Categorias

Ver todas categorias

BVB está certo em manter Terzic na próxima temporada?

Sim

Votar

Não

Votar

84 pessoas já votaram