Texto por Colaborador: Redação 06/08/2022 - 05:01

Com uma verdadeira demonstração de poder, o Bayern esmagou na noite de sexta-feira o Eintracht Frankfurt (6-1), repetindo novamente o cargo de principal favorito para o campeonato da Bundesliga nesta temporada. Para o ex-jogador mundial Lothar Matthäus é claro que pelo décimo primeiro ano consecutivo o título passará apenas por seu ex-clube de longa data.

Em declaraões ao "Bild", o ex-craque de 61 anos afirmou: "Mesmo que possa decepcionar um ou outro: o FC Bayern será campeão pela décima primeira vez consecutiva. Mesmo sem Robert Lewandowski".

Matthäus até vê a possibilidade de Munique ser ainda mais forte em 2022/2023 do que nos anos anteriores, com o bicampeão mundial Lewandowski na liderança.

"As condições estão melhores do que nos anos anteriores, quando o elenco foi enfraquecendo gradualmente devido a saídas como Alaba, Thiago ou Boateng. O Bayern fez as principais transferências neste verão, não apenas com Mané e de Ligt sendo ainda mais difícil de calcular para cada adversário", disse Matthäus, que venceu sete campeonatos alemães com o Bayern.

Matthäus elogia planejamento de pessoal do FC Bayern

O croesus da indústria alemã inevitavelmente perderia os muitos gols que Lewandowski tinha na ofensiva. Devido à melhoria da estática na equipe, o capitão campeão mundial de 1990 acha possível que a defesa em particular seja mais estável e, portanto, sofra menos gols.

Lothar Matthäus elogiou explicitamente o planejamento de pessoal da liderança esportiva em torno do CEO Oliver Kahn e do diretor esportivo Hasan Salihamidzic: “O Bayern compensou o que eu sempre critiquei: a falta de qualidade no elenco.

Matthäus está certo de que a competição da Bundesliga para Borussia Dortmund, RB Leipzig e companhia normalmente seria apenas a corrida pelo lugar atrás do FC Bayern: "Os perseguidores deveriam estar lá se o Bayern enfraquecer. Eles estavam nos últimos anos".