Texto por Colaborador: 17/05/2018 -

Blog do Breno - Olá! Sejam bem-vindo a mais uma coluna. Hoje o meu tema será quem poderá comandar a nossa "seleção" aurinegra para a próxima temporada. Se fala muito que Favre é o nome certo como novo comandante, mesmo com o treinador do Nice dizendo que não tem nada acertado ainda. No entanto, gostaria de comentar de alguns nomes que poderiam sentar no banco do Signal Iduna Park.

Um dos nomes que me agradou nessa temporada é do técnico do Hoffenheim, Julian Nagelsmann. É um treinador jovem, de 30 anos. Pegou o time beirando as últimas colocações e levou para a maior competição, a Liga dos Campeões. E não é isso, conseguiu dar um padrão ao time. bem compactado dentro das quatro linhas fez um belo trabalho. Não foi atoa vem sendo especulado para ir ao Arsenal. Mas, é também um bom nome para comandar o BVB.

Quem poderia também é o treinador do Olympique de Marselha, Rudi Garcia. Diferente de Julian  Nagelsmann, do Hoffemnheim, o treinador da equipe francesa, levou ao clube depois de muito tempo a uma final de uma competição internacional, a Liga europa. Apesar do placar ser um pouco elástico, 3 a 0 para o Atlético de Madri, convenhamos que o time espanhol é muito superior, mas conseguiu fazer um bom trabalho. No francês ficou entre os primeiros colocados.

O nome que a diretoria é de Lucien Favre é o nome mais cotado para assumir, mesmo deixando no ar a possibilidade é o que a diretoria busca. Não por acaso. Vem mostrando capacidade. Não foi por sorte que ficou um bom tempo trabalhando no xará do Dortmund, o Gladbach. Nos dias de hoje ficar 4 anos em um clube mostra sua capacidade como bom treinador. E mostrou isso no Nice. Mas o seu histórico ainda considero pequeno,  de poucos times, mesmo tendo 60 anos. Isso mostra muito do seu trabalho de longo prazo.

Dentre uns nomes para vir ao BVB, um nome é do italiano Eusébio Luca Di Francesco. Aos 48 anos mostrou que o futebol é feito dentro de campo 11 contra 11 e que o futebol é maravilhoso. E levou o Roma para a semifinal da Liga dos Campões. Vem subindo de degrau em degrau como treinador. A Roma, se não um dos grandes times, é um time de expressão, tradicional. E se está, tem capacidade. E no italiano está em terceiro colocado.

Um outro nome que pode estar no caderninho de treinadores para o BVB é do compatriota Marco Rose. Aos 41 anos, se mostrou um jovem treinador com potencial. Esse é o seu segundo ano de trabalho. Mas, conseguiu levar o RB Salzburg, a uma semifinal de Liga Europa. E dentre o disputado alemão ficou na sexta colocação. É um treinador dessa nova geração. É para se observar.

Claro que existe outros nomes. Mas, a principio são os nomes que me agradam. Tem treinadores jovens, experientes, mas todos se mostram muito capazes para comandar o BVB, deixando claro que é uma opinião minha. Quero que venha o melhor. Que possa vir e recolocar o BVB em seu nível máximo de futebol.

Por: Breno Benedito

 

Categorias

Ver todas categorias

BVB deve renovar com Reus para a próxima temporada?

Sim

Votar

Não

Votar

331 pessoas já votaram