Texto por Colaborador: Redação 05/02/2024 - 00:19

Gregor Kobel desfruta do status indiscutível de número um no Borussia Dortmund. Porém, o jogador de 26 anos é apenas a segunda escolha da seleção nacional.

Yann Sommer defende o gol suíço. O goleiro do Inter de Milão também estará entre as traves no Europeu de 2024, na Alemanha. O treinador nacional Murat Yakin decidiu isso em Dezembro passado.

A decisão de banir o goleiro do BVB, Kobel, para o banco de reservas gerou críticas. “Fiquei surpreso que Yakin já tivesse anunciado publicamente quem seria o número um no Campeonato Europeu de 2024”, disse Roman Weidenfeller recentemente a Blick. “Eu gostaria que, como treinador, ele tivesse deixado a corrida pelo primeiro goleiro aberta até o torneio.”

Lenda do BVB, Weidenfeller: “Acho que Kobel já está mais forte que o verão”

O ex-goleiro do BVB acha que Yakin tomou sua decisão cedo demais. “Teria sido importante manter a tensão”, continuou Weidenfeller. “Além disso, acho que Kobel já é mais forte que Sommer.”

Weidenfeller sobre o jovem de 26 anos: “Kobel tem uma mentalidade muito boa. Ele carrega esse gene vencedor dentro dele. Ele tem vontade absoluta de vencer. Mas os fãs também veem que ele é um trabalhador honesto. Ele faz tudo o que pode todos os dias para garantir que o BVB tenha sucesso.”

Para Kobel, que regularmente apresenta atuações de classe mundial com a camisa do BVB, o rebaixamento precoce é um revés amargo. Yakin explicou que deu aos representantes de verão nas eliminatórias do Campeonato Europeu a oportunidade de ficarem no gol e se promoverem. Infelizmente, Kobel teve que assistir duas vezes por lesão. (via ruhr24)

 

Categorias

Ver todas categorias

BVB está certo em manter Terzic na próxima temporada?

Sim

Votar

Não

Votar

84 pessoas já votaram