Muitos jogadores partiram do Borussia Dortmund neste verão. Sete foram vendidos diretamente, enquanto outros dois foram por empréstimos. Aqui está uma pequena avaliação dos seus primeiros meses.

Matthias Ginter: O defensor fez imediatamente seu nome no Borussia Mönchengladbach. Em 13 jogos da Bundesliga e na DFB Pokal com os potros, ele foi usado por 90 minutos. Ele jogou 11 vezes como um zagueiro central e 2 vezes em outras posições da defesa.

Sven Bender: Ao contrário de Dortmund, Bender joga em Leverkusen. Participou em cada um dos 13 jogos de competição como titular. Maso tempo em que Bender garantiu o jogo no meio do campo acabou. Sob as ordens de Heiko Herrlich, ele está na posição de zagueiro central. Infelizmente, ele sofreu uma lesão na última rodada. Ele vai estar fora algumas semanas.

Mikel Merino: No BVB, o espanhol chegou na última temporada e só jogou 311 minutos. Quase duplicou isso na Inglaterra com o Newcastle em apenas 3 meses. O jogador de 21 anos jogou 9 dos 11 jogos da Premier League, ficando de fora somente dos dois últimos jogos por causa de uma lesão nas costas. Ele rapidamente conquistou o seu lugar na equipe, e os Magpies fizeram rapidamente a opção de compra de 7 milhões de euros, a fim de obter a longo prazo os serviços de Merino.

Pascal Stenzel: Desde janeiro de 2016, Stenzel está emprestado ao SC Freiburg. Durante este verão, ele comprometeu-se com este clube. Ao nível do desporto, o jogador de 21 anos apareceu em 14 dos 15 jogos possíveis. Só uma vez, ele sentou-se no banco durante 90 minutos e foi justamente contra o seu antigo clube: o BVB.

Dzenis Burnic: Até o verão de 2018, o jovem talento partiu para o Stuttgart. Com a equipe de alto nível do BVB, teria sido difícil para o volante ter minutos de jogo. Em Hannes Wolf, ele joga regularmente com o Stuttgart. Mais recentemente, ele ganhou um lugar regular mas durante seu último jogo contra o Hamburgo, ele recebeu um cartão vermelho após 13 minutos de jogo.