Nessa época de férias da temporada, queremos relembrar nos "Jogos Históricos" uma partida que não foi fácil para cardíacos, tente voltar no tempo em um duelo que para sempre será relembrado pelos torcedores auri-negros. O time sempre "louco" e vibrante de Klopp conseguiu uma grande façanha em 2013, em jogo da volta pelas quartas de final da Champions League.  O BVB conseguiu uma classificação heroica, que fez quase explodir as 80 mil pessoas no Westfalenstadion.

Foi uma das partida que ficará definitivamente na história da Liga dos Campeões. O Málaga mesmo sem ter grande tradição em competições internacionais, tinha jogadores com muita experiência: Demichelis, Toulalan e Júlio Baptista, só para citar três, eram jogadores rodados e que já estiveram em grandes palcos.

Para o Málaga, tudo o que viesse pela frente nesta Liga dos Campeões era lucro. O fato de estar nas quartas de final já era digno de nota. Sendo assim, Pellegrini colocou em campo uma equipe comprometida mas que estava livre de obrigações, ao contrário do seu oponente .

Aos 25 minutos do primeiro tempo o Málaga abriu o placar. Jogada que contou com um belo lançamento do brasileiro Júlio Baptista, que chegou em Isco. O meia tabelou com Joaquín, e este deixou o zagueiro no chão antes de tocar no canto esquerdo do goleiro Weindefeller. Nem mesmo o gol do Borussia, marcado por Lewandowski ainda no primeiro tempo, com direito a passe de letra de Reus, parecia abalar o Málaga. O time espanhol se mantia firme em seu propósito.

O que parecia ser o bote fatal do Málaga ocorreu aos 36 minutos do segundo tempo. Eliseu, que havia entrado no lugar de Duda pouco antes, recebeu em impedimento passe de Júlio Baptista. Não teve trabalho para tocar para o gol vazio. Mas o futebol já ensinou outras vezes que não se deve duvidar do poder de reação da equipe auri-negra. Em espaço de dois minutos o Dortmund virou o placar. Primeiro com Reus e depois, quando o apito final já parecia iminente, Felipe Santana encontrou a bola na pequena área e tocou para o fundo do gol. BVB classificado para as semi-finais contra o Real Madrid. 

FOTOS:

Gallery:22

09-04-2013 - BORUSSIA DORTMUND 3X2 MÁLAGA

BORUSSIA DORTMUND: Weidenfeller, Piszczek, Subotic, Felipe Santana e Schmelzer; Bender (Sahin), Gundogan (Hummels), Gotze, Reus e Blaszczykowski (Schieber); Lewandowski. 
Técnico: Jurgen Klopp.

MÁLAGA: Caballero, Gámez, Sérgio Sanchez, Demichelis e Antunes; Camacho, Toulalan, Joaquín (Portillo), Isco e Duda (Eliseu); Júlio Baptista (Roque Santa Cruz). 
Técnico: Manuel Pellegrini

GOLS: Joaquín, aos 25 minutos do primeiro tempo e Eliseu, aos 36 do segundo (Málaga); Lewandowski, aos 39 do primeiro tempo, Reus aos 45 do segundo e Felipe Santana aos 47 do segundo (Borussia Dortmund)

VÍDEO: